Celebração dos 300 Anos da Diocese de Belém
22/02/2019

Hoje a Arquidiocese de Belém acordou em festa, pois iniciamos a comemoração dos seus 300 anos como Diocese de Belém, a quinta mais antiga do Brasil, com o Ano Jubilar (2019-2020). Tamanha importância tem este momento, que traz em si o tema “Anunciado o Evangelho de Jesus Cristo na Amazônia” e o lema “Ide e anunciai” (Mc. 16,15).

O marco inicial de Nossa festa será a Celebração da Santa Missa, às 19h, no Ginásio do Mangueirinho, presidida pelo Núncio Apostólico do Brasil, Dom Giovanni D’Aniello e concelebrada por nossos bispos da Arquidiocese, do Pará e Amapá e também do Maranhão, assim como clero arquidiocesano.

Porém a mobilização começa um pouco mais cedo, às 17h, com a chegada das caravanas com os paroquianos de todos os cantos da arquidiocese, hoje já somos ao todo 91 paróquias, também os religiosos e religiosas, as comunidades de vida e consagrada, pastorais e movimentos e todas as forças vivas de Igreja Católica.

PROGRAMAÇÃO DO EVENTO

  • 16h – Abertura dos portões
  • 17h – Animação
  • 18h – Oração do Santo Terço
  • 19h – Apresentações e Celebração Eucarística

Sabemos o quão importante é detalhar um pouco mais sobre esta programação, então preparemos em anexo um arquivo mais completo, ou clique aqui para baixar.

A data de fato é celebrada no dia 04 de março, quando em 1719 foi criada a diocese de Santa Maria de Belém do Grão Pará Porém, dado as circunstâncias de coincidir com as comemorações de Carnaval,  a data foi antecipada para essa sexta-feira, bem como a importância do dia de hoje, que a Igreja Católica no mundo celebra a Festa da Cátedra de São Pedro.

Veja a liturgia de hoje em que celebramos a Cátedra de São Pedro.

Deseja saber um pouco mais dos acontecimentos deste primeiro momento? Veja detalhes da coletiva que nosso Arcebispos deu há dois dias.

ANOTE AÍ ALGUNS FATOS IMPORTANTES QUE NÃO PODEMOS ESQUECER

  • CÁTEDRA DE SÃO PEDRO

Na prática, Cátedra é aquela “cadeira” que o Santo Padre, o Papa, ou aqui em nosso caso, o Arcebispo, sentam ao presidir a Celebração.

São Pedro foi o primeiro Papa da Santa Igreja Católica, quando Jesus disse tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja (Cf. Mt 16, 17-19). Nos documentos eclesiásticos, a expressão Cátedra de Pedro tem o mesmo significado de trono de São Pedro, Sólio Pontifício, Sede Apostólica. A Igreja Católica mantém-se sempre unida a esta Sé Apostólica sobre a qual repousa a verdadeira e perfeita solidez da religião cristã.

Assim também se remete ao surgimento da Santa Igreja em Belém, porta de entrada da evangelização na Amazônia, há 403 anos, quando chegava os primeiros missionários (jesuítas) católicos em Belém, onde se firmou o Forte do Presépio, local onde se construiu a primeira Igreja Católica, hoje Catedral de Santa Maria de Belém, tendo como sede a Cátedra, o mais eloquente símbolo dessa Infalibilidade, do Arcebispado com o Papado e da pessoa do Papa com a própria Santa Igreja de Cristo.

  • ANO JUBILAR (2019-2020)

Todas as celebrações do ano litúrgico, assim como as festividades das paróquias e eventos pastorais, estão ligadas às celebrações dos 300 anos, que será missionária, a Arquidiocese quer chegar nos lugares mais distantes até nas situações mais desafiadoras.

A programação contará com criação de paróquias e Áreas missionárias, ordenação de novos sacerdotes e as Visitas Pastorais às Região Episcopal que ocorrerão de março a agosto.

  • 25 a 31 de março – Região Episcopal Coração Eucarístico de Jesus
  • 14 a 19 de maio – Região Episcopal São João Batista
  • 20 a 26 de maio – Região Episcopal Menino Deus
  • 27 de maio a 2 de junho – Região Episcopal São Vicente de Paulo
  • 11 a 16 de junho – Região Episcopal Santa Cruz
  • 24 a 30 de junho – Região Episcopal Sant’Ana
  • 13 a 18 de agosto – Região Episcopal Santa Maria Goretti

Clique aqui e veja a programação completa!

VAMOS RELEMBRAR UM POUCO MAIS DE NOSSA HISTÓRIA

  • INÍCIO DA EVANGELIZAÇÃO NA AMAZÔNIA

Em 12 de janeiro de 1616, junto a criação da Cidade de Belém teve início a Igreja Católica e Evangelização na Amazônia com a chegada dos padres Jesuítas.

Deseja ver em detalhes como se deu o processo desse início de evangelização, clique aqui e saiba mais.

  • CRIAÇÃO DA DIOCESE DE BELÉM

A Diocese de Belém foi criada no dia 04 de março de 1719, pela Bula “Copiosus in Misericórdia” do Papa Clemente XI, desmembrada da então Diocese do Maranhão, a pedido de Dom João V de Portugal, com o nome de Diocese de Santa Maria de Belém do Grão Pará, passou a ser a quinta no Brasil.

Durante os 187 anos como diocese, teve 13 bispos e cinco paróquias: Nossa Senhora da Graça (Catedral Metropolitana), Sant’Ana da Campina, Nossa Senhora da Conceição (Benfica), Santíssima Trindade e Nossa Senhora de Nazaré do Desterro, hoje Basílica Santuário de Nazaré.

Daqui nasceram as outras igrejas, prelazias, dioceses e arquidioceses, como de Manaus e também de Porto Velho, tudo nasceu desta igreja de Belém.

  • ELEVAÇÃO DA ARQUIDIOCESE DE BELÉM

Em 1° de maio de 1906, a então Diocese foi elevada à Arquidiocese e sede Metropolitana pela Bula “Sempiternum humani generis” do Papa São Pio X. As Dioceses do Amazonas, Piauí, Maranhão e a Prelazia de Santarém (hoje Diocese) deixam de ser sufragâneas de Salvador da Bahia para o serem da Arquidiocese do Pará.

A Arquidiocese de Belém é a terceira criada no Brasil e atualmente conta com  o Arcebispo Metropolitano, Dom Alberto Taveira Corrêa, os Bispos Auxiliares Dom Irineu Roman e Dom Antônio de Assis Ribeiro, 249 sacerdotes, 153 diáconos, 91 paróquias divididas em sete Regiões Episcopais.

  • E AGORA, QUAL É A NOSSA MISSÃO?

A missão da Igreja na Amazônia é um movimento contínuo no processo de evangelização, “para frente e para o alto”. A Cruz que queremos anunciar, de fato aponta para o alto, para o Céu, para Nosso Senhor. Nela contemplamos os rostos que compõem nosso povo. Nela queremos também assumir os compromissos pastorais de nossa Igreja de Belém.

Acesse o texto completo de nosso Arcebispo, Dom Alberto Taveira Corrêa. Um mensagem especial para Abertura do Ano Jubilar da Criação da Diocese de Belém de Belém do Pará.

Clique aqui e entenda um pouco mais de algumas expressões com o glossário que preparamos para você!

Agradecemos por ter nos acompanhar até aqui, estamos disponíveis para qualquer esclarecimento ou contribuição com mais conteúdo para seu entendimento e produção!

Equipe de Comunicação!!!

Arquidiocese de Belém do Pará

Assessoria de Comunicação

(91) 3215-7001 / 3215/7002 / 98926-2453

comunicacao@arqbelem.org